Arquivos para : visitou o Canadá

Dom Hélder recomendava um socialismo com liberdade, para o Brasil, na entrevista que deu em 1970, ao sair de visita ao Papa Paulo VI

Dom Hélder Câmara, no início de 1970, visitou o Canadá, sendo recebido pelo velho Pierre Trudeau (muito mais a esquerda que o atual Trudeau.

Depois, Dom Hélder foi a Roma, sendo recebido pelo Papa Paulo VI. No término da entrevista, deu uma entrevista famosa. Também foi ao Conselho Mundial das Igrejas. 

Na visita ao Papa, uma “fonte oficial” do Vaticano disse que o encontro teria sido “muito cordial”. Dom Hélder contou ao Papa suas “experiências passadas” e seus “projetos”. Saiu da audiência confiante e com “sua alma de bispo reconfortada”.

Na entrevista que Dom Hélder deu, disse que o Brasil “deve pensar em modelos socialistas proporcionais às nossas necessidades particulares”.

Ressaltou que esse socialismo brasileiro não coincide com o que se pratica atualmente nos países socialistas e acrescentou: “Sonho com uma socialização que seja realmente capaz de criar condições de desenvolvimento integral do homem, como define a encíclica “Populorum Progressio”.

Dom Hélder desmentiu a versão dos capitalistas que a Santa Sé lhe teria limitado a faculdade de fazer pronunciamentos sobre matéria econômico-social, declarando ser “plenamente livre para expressar suas idéias em qualquer parte do mundo”. Inclusive no Brasil, portanto.

O diário“Unità”, órgão do Partido Comunista,  publicou a entrevista com um título de chamada na primeira página. Colocou na matéria a fotografia de policiais fazendo uma carga de cavalaria contra pessoas fazendo um protesto, na saída de uma igreja no Rio.

Pular para a barra de ferramentas