Estatais são eficientes, geram dividendos, excedentes. São como vacas, árvores ou galinhas, geram excedentes para a sociedade

Do 247 – “Cloviomar Caranine, economista do Dieese, diz que há uma ofensiva das empresas privadas sobre setores públicos, decorrente do excesso de liquidez financeira, uma busca do setor privado em converter dinheiro em bens; a busca por empresas públicas, segundo Caranine, tem uma razão óbvia: elas são lucrativas; entre 2002 e 2016, as empresas públicas federais retornaram em média R$ 19 bilhões ao ano em dividendos, desfazendo o mito [mentira] que a iniciativa privada seja mais eficiente”.

Ativos públicos, um pujante setor público, é essencial para evitar crises. Também é vital para dar apoio às pequenas empresas, aos pequenos empreendimentos, pequenos negócios familiares. 

Comentários estão fechados.

Pular para a barra de ferramentas