A morte da revista Veja, a pior e que mais mente, distorce e aliena as pessoas

A pior das revistas (o que é dizer muito, tendo em conta a ruindade geral…), a infame Veja, está morrendo. A expoente do neoliberalismo, a porta voz dos ultra ricos, está dizimando os jornalistas que a ajudaram a dar o golpe, está demitindo em massa, como todos os capitalistas.

Colhi no 247 – “A Editora Abril, que edita Veja, revista que se especializou em atacar governos trabalhistas e prever o fim de Lula, anunciou internamente, nesta quarta-feira, mais um “passaralho”;  já se sabe de 130 demissões, que devem continuar até fevereiro; vários publicações deverão ser fechadas e, no mercado, fala-se na possibilidade de recuperação judicial; recentemente, o presidente Walter Longo foi demitido pela família Civita e substituído pelo diretor jurídico, Arnaldo Figueiredo Tibyriçá – num sinal de que a editora prepara a renegociação de suas dívidas com o mercado”. 

Comentários estão fechados.

Pular para a barra de ferramentas