Arquivos para : Livros ruins e as razões da ruindade

Adolpho Lindenberg, um exemplo de péssimo escritor, péssimo intérprete

Adolpho Lindenberg, no livro “O mercado livre numa sociedade cristã” (Cidade do Porto, Portugal, Ed. Livraria Civilização, 1999), mostra bem a burrice dos grandes empresários capitalistas, que querem deformar a doutrina social da Igreja, para defender o capitalismo.

Lindenberg é adorador de escritores horrendos como Milton Friedman, Ludwig von Mises, Louis Baudin, Daniel Villey ou Friedrich von Hayek, mas mal consegue citar um texto papal e quando cita, deforma, cita pelas meias, deturpa, cria uma interpretação falsa.

Lindenberg foi do grupo TPF, um grupo praticamente excomungado, que se contrapõe sistematicamente aos ensinamentos do Clero do Brasil, dados nas Assembléias anuais da CNBB. Poucas vezes vi obra que eu considere tão desonesta como este tipo de obra nefanda.

Pular para a barra de ferramentas