Não há provas que houve um Hacker. Podem ser provas válidas sobre conluio entre Moro e MP

O jornalista Pepe Escobar teve acesso exclusivo ao comunicado do aplicativo de mensagens Telegram e revela o furo no programa Giro das 11;

em mensagem oficial, a empresa ressalta que “não há nenhuma evidência, de nenhum hacker, na ferramenta”;

tal afirmação coloca em xeque os argumentos utilizados por Sérgio Moro de Deltan Dallagnol de que os seus celulares foram hackeados, grampeados, e suas informações transmitidas ao site The Intercept 

Comentários estão fechados.

— Updated: 11/09/2019 — Total visits: 58,219 — Last 24 hours: 80 — On-line: 0
Pular para a barra de ferramentas