Os filhos dos ricos, em geral, são pessoas fracas, vivendo vidas indignas

Andrew Carnegie (1835-1919), que foi um dos primeiros e maiores milionários dos EUA, praticamente monopolizando a produção de aço nos EUA, escreveu um bom texto sobre como são os filhos dos ricos. O texto está na palestra “O Caminho para o sucesso nos negócios”. 

Carnegie constata uma grande verdade: “a grande maioria dos filhos de homens ricos é incapaz de resistir às tentações às quais a riqueza os submete e sucumbe a vida indignas”. E completa destacando que os filhos de ricos não são páreos para filhos de pessoas pobres. 

Como a Bíblia e a Tradição ensinam, a miséria e as grandes fortunas privadas pervertem, são fontes de tentações, são circunstâncias (ocasiões, condições) de grandes tentações. O correto é a MEDIANIA, não haver miséria e nem grandes fortunas privadas, e sim mediania dourada, o ideal da Bíblia, dos estoicos, dos confucianos, dos taoistas, dos budistas, dos muçulmanos, dos judeus, dos cristãos, dos hindus etc. 

Comentários estão fechados.

— Updated: 13/02/2020 — Total visits: 64,941 — Last 24 hours: 25 — On-line: 0
Pular para a barra de ferramentas